Este é um post sobre gratidão/ This is a post about gratitude

5

Escrevo este post uma semana mais tarde do que aquilo que previ. A vida deu mais uma volta, mas finalmente está a entrar nos eixos. Está a assentar. E muitas são as pessoas a quem tenho que agradecer todo o apoio dos últimos meses (e quiçá agradecer também à divina providência…).

I write this post a week later than what I predicted. Life took another twist, but finally is into place. And there are many the people to whom I have to thank all the support for the past few months (and perhaps also thanks to divine providence …).

Estremoz

Amoras1

Nem quero ver a data do último post… já lá vai mais de um mês… desde já as minhas desculpas! A vida decidiu que os meus planos não iam seguir o curso que eu tinha planeado. Sim, eu sou daquelas pessoas que gosta de ter “tudo” sob controle, de preferência já até dia 31 de dezembro… Mas (felizmente, dirão alguns) há sempre “terceiros” que trazem uma onda de mudança. O que nem sempre é mau. E se for menos bom, cá estamos para aprender e dar a volta à situação!

I cannot even take a look to the date of the last post… it has already past more than a month… my apologies! Life decided that my plans were not going to follow the course that I had planned. Yes, I am one of those people who likes to have “everything” under control, preferably everything planned ‘till December 31… but (fortunately, some might say) there are always people who bring a wave of change. What it is not always bad. And if it is less good, we’re here to learn and give “a twist” to the situation!

Ode ao Verão!/ Ode to Summer!

1

Para mim, há duas frutas muito sazonais, que deveriam existir todo o ano – as romãs e os figos. São as melhores frutas do ano!!!! Como sabem, o verão não é, de longe, a minha estação do ano favorita… demasiado calor não combina comigo. Mas felizmente a natureza compensa-me com estas pequenas maravilhas!! Uma receita muito simples, uma ode ao verão!

For me, there are two very seasonal fruits, which should exist throughout the year – pomegranates and figs. They are the best fruits of the year!!!! As you know, summer is not, by far, my favorite season… too much heat does not suit me. But fortunately, nature compensates me with these little wonders!! An easy recipe, an ode to summer!

Declaro aberta a época do gelado!

ImagemEu tinha que experimentar! Eu tinha que experimentar algum dos gelados do meu livro novo!!!!!!! Que os meus amigos fofinhos me ofereceram nos anos!!!!!!!!!!!! Bem, mas como gosto de arriscar, decidi fazer não um, mas dois gelados!!! O pânico instala-se quando leio (com a ajuda de um tradutor desleixado, que o francês não é de todo, o meu forte) que é preciso uma máquina de gelado.. Mas algures numa das páginas iniciais vem a dica para quem, tal como eu, não tem máquina de gelado. Uma rápida pesquisa na blogosfera e eis que se confirma que a máquina de gelados é para meninos!!!! Assim, uma varinha mágica faz milagres, e o truque consiste em: pôr o gelado no congelador, e de 30 em 30 ou 45 em 45 minutos, passar a varinha mágica no gelado, para evitar a formação de muitos cristais de gelo e conservar a textura cremosa. Eu repeti este procedimento quatro vezes e ficou óptimo!

Quanto às receitas… Fiz a mesma base: bater 300ml de natas em chantilly, juntar 50g de leite em pó1 colher de extracto de baunilha ou 1 colher de sopa de açúcar baunilhado. À parte, levar à ebulição 100ml de leite (de preferência gordo) com 65g de açúcar1 pitada de sal. Deixar arrefecer um pouco e filtrar a mistura; juntar 2 gemas e misturar bem. Voltar a levar o preparado ao lume mexendo sempre, a fim de evitar que ferva. Deixar arrefecer e filtrar novamente; quando estiver totalmente frio, juntar ao preparado das natas. Se tiver máquina de gelados, coloque a mistura e siga o programa de acordo com as instruções, juntando por fim os maltesers semi-esmagados. Sem máquina de gelados, colocar a mistura numa taça no congelador e repetir quatro vezes o procedimento acima descrito. Ao fim da quarta passagem com a varinha mágica, dividir a mistura em duas taças (ou fazer a receita a dobrar, como eu); numa, juntar Maltesers (a gosto!) semi-esmagados; na outra, juntar amêndoas caramelizadas também semi-esmagadas e, se foram gulosos como eu, caramelo. Para o caramelo, segui a receita infalível da Joana do In The Mood For Sweets: amolecer 1 folha de gelatina em água; numa panela, levar 165ml de natas a ferver com as sementes de 1 vagem de baunilha ou 1 colher de sopa de açúcar baunilhado. À parte, levar 170g de açúcat ao lume até ficar de cor âmbar, momento em que se junta 100g de manteiga e as natas; por fim, a folha de gelatina. Deitar a mistura sobre um prato e levar a refrescar ao frigorífico; uma vez frio, deitar o caramelo num saco de pasteleiro e juntar ao gelado!

Levar os gelados ao congelador e deixar pelo menos 3h antes de servir. Bom apetite!!!!!

 

Gelado de Maltesers

Imagem

 

Gelado de Amêndoas & CarameloImagem

GAmendoa1