Coffeebreak VI CJIG, Estremoz

montagem-1

É sempre para mim um prazer voltar a Estremoz (podem reler aqui um post dedicado ao tema). Sinto-me em casa. Rever velhos e novos amigos, colegas, e claro, explorar o mercado de sábado 😛 Desta feita, o motivo da minha visita foi o VI Congresso de Jovens Investigadores em Geociências, onde tive o enorme orgulho de, pelo 2º ano consecutivo, ficar responsável pelos coffeebreaks (o único registo do ano anterior aqui)!

It is always a pleasure for me to come back to Estremoz ( you can read here a post dedicated to the theme). I feel at home. Reviewing old and new friends, colleagues, and of course, exploring the Saturday’s market 😛 This time, the reason for my visit was the VI Congress of Young Researchers in Geosciences, where I was very proud to be responsible, for the 2nd consecutive year, for the coffeebreaks (the only photo from last year here)!

img_5390

«O Congresso Jovens Investigadores em Geociências é um encontro no qual se apresentam e discutem trabalhos de estreantes investigadores ligados à área das Geociências e, ao mesmo tempo, se fortalecem aprendizagens com as comunicações de oradores convidados e uma saída de campo. É um congresso realizado sob a égide do Centro Ciência Viva de Estremoz e do LIRIO (Laboratório de Investigação de Rochas Industriais e Ornamentais da Escola de Ciências e Tecnologia da Universidade de Évora). Teve a sua primeira edição em Outubro de 2011 e, devido à sua aceitação positiva por parte da comunidade científica no ramo das Geociências, tem-se realizado nos anos consequentes. Em 2016 contamos com a 6ª edição deste Congresso, de 19 a 22 de Novembro» 🙂

«The Congress of Young Investigators in Geosciences is a meeting in which they present and discuss works of new researchers related to the area of geosciences and, at the same time, strengthen learning with the communications of invited speakers and a field trip. It is a congress held under the aegis of Centro Ciência Viva de Estremoz and LIRIO (Research Laboratory of Industrial and Ornamental Rocks of the School of Science and Technology of the University of Évora). It had its first edition in October 2011 and, due to its positive acceptance by the scientific community in the field of geosciences, has taken place in the ensuing years. In 2016 we count on the 6th edition of this Congress, from 19 to 22 November.» 🙂

montagem-2

montagem-4

montagem-3

montagem-8

montagem-5

montagem-7

montagem-9

imagem4

O coffeebreak foi muito simples, quer em termos de menu, quer de decoração. O evento teve lugar numa das salas do antigo Convento, transformado actualmente no Centro Ciência Viva de Estremoz. As fotografias, um pouco a contra-relógio, como sempre da minha querida Sofia (obrigada!).

  • SALGADOS: bola de carnes, palmiers de queijo e fiambre, folhadinhos de cogumelos, pão recheado.
  • DOCES: bolo molhadinho de laranja, bolo de chocolate, bolo de café, bolo de maçã, areias, bolachas de chocolate, bolachas de canela, scones, salame de chocolate, tarte de maçã & mirtilos, trança de nutella, trança de frutos vermelhos.
  • BEBIDAS: café, chá e chocolate quente!

The coffee break was very simple, both in terms of menu and decoration. The event took place in one of the rooms of an old Monastery, now transformed into the Centro Ciência Viva de Estremoz. The photos, a bit in a hurry, are as always from my dear Sofia (thank you!)

  • SAVORY: savory cake of meat, ham & cheese palmiers, little mushrooms’ treats and rolled bread with ham and olives.
  • SWEETS: orange cake, chocolate cake, coffee cake, apple cake, butter cookies, chocolate cookies, cinnamon cookies, scones, chocolate salami, apple & blueberries pie, braid of nutella, braided red berries.
  • DRINKS: coffee, tea and hot chocolate!

imagem3

imagem2

imagem1

Advertisements

One thought on “Coffeebreak VI CJIG, Estremoz

  1. Uhm…o que ficou por dizer às pessoas é que a existência destes coffeebreaks foi um dos fortes argumentos para a campanha de convencimento pró-congresso de Estremoz que realizei no mítico corredor do quarto piso. Para o ano, avisa os “extremosos” para logo na primeira circular constar essa informação!

    (ainda não ultrapassei o não ter podido provar a maioria das coisas…na biologia atual, como na paleontologia, abaixo os seres que não têm sequer coragem para dar a cara à vista desarmada)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s